Amo meu pai, mas ele me ama mais

Amo meu pai, mas ele me ama mais

Meu pai é do tipo paizão. Ele cuida, liga toda hora, protege, liga toda hora, se preocupa e liga toda hora! Sim, ele quer se sentir presente e nos telefona praticamente todo dia e dependendo do nível de saudade, mais de uma vez. Ele prefere ficar sem comer ou sem vestir a ver um filho passando a mínima necessidade. Sei que o que eu precisar, encontrarei nele. Pois se não tiver, vai procurar alguém que tenha. Mas é que ele liga toda hora.

Este más é porque me senti péssima outro dia em relação a isto. Sou uma boa filha, não vai me julgando aí sem conhecer os fatos, viu?! Contudo, tem hora que não quero atender meu pai. Domingo de manhã, quando ainda estou sonolenta, por exemplo, ou quando estou no meio de um texto (ele interrompeu este), ou quando estou fazendo qualquer outra coisa e não quero dar atenção a ele. Daí caí em mim e percebi o quanto sou idiota!

Não sei quanto tempo terei meu pai comigo. A saúde dele não é das melhores e com hábitos nada saudáveis ele encurta seu tempo ao meu lado de maneira solene e tudo o que ele quer a cada dia é me dizer “oi” e perguntar: “Está tudo bem aí?”. Só isto. Tão pouco e eu, às vezes, acho muito. Ele quer saber meus itinerários, só que eu viajo muito, tenho preguiça de contar. Ele quer saber que horas cheguei, mas acho chato demais ligar. Ele só quer me amar e saber que estou bem, todavia eu sou horrível e só o quero, quando quero. Entende?

Daí me dei conta do quanto isto é igual à nossa relação com Deus. Ele também nos ama, nos cuida, nos quer bem e nos protege. Nós, em contrapartida, queremos uma certa independência. Não queremos muito papo, perder muito tempo, obedecer ou dar satisfação. De preferência que Ele esteja lá quando precisarmos e quando sentirmos alguma falta. Só. Já está bom. Se você também é assim, você também é idiota, feito eu. Desculpa, não quero ofender.

Acho que vou parar por aqui e retornar a ligação do meu paizinho e investir um bom tempo contando da minha vida pra ele.

3 comments

  • Bom, Eu não entendo meu pai, Ele era um bom pai, Sabe.. ele até que se esforçava. Lembro até hoje quando agente sentava no sofá da sala (Eu, meu irmão e ele.) Viamos filmes até tarde… Mais ele era assim quando eu era pequena, Agr eu moro com minha mãe, ele vem me ver algumas vezes no ano, e ele não mora longe, Vive dizendo que trabalha muito e que não tem tempo, Não da mais atenção (Neim pra mim e neim para o meu irmão). No meu ultimo aniversário no final do ano passado, Ele ligou, Fez o discurso de sempre, Chorei (Sem ele ouvir), Ele perguntou se eu queria que ele troucesse um bolo e um refri aq, Eu disse que sim (Eu não queria o bolo, Eu só queria ver ele.) Ele me disse que viria, Então deichei de sair, Esperei.. esperei e esperei… Mais nada dele aparecer, Toda noite eu chorava no banheiro pedindo a Deus que ele viesse me ver e que troucesse minha irmã (Ele tem uma filha com outra, que no caso é minha madrasta) Dai meu deus me ajudou, Trousse ele aqui na Pascoa desse ano, Ele veio rápido, mais não trouse minha irmã, Bom.. Mesmo assim, Nessa noite eu agradeci ao meu Deus por ter trago ele aqui, Bom.. Eu ainda choro todas as noites esperando que ele venha me ver, Peço a Deus pra trazer meu pai aqui, Mais até hoje ele não veio, Mais agradeço ao meu Deus por me dar forças para aguentar esse sofrimento, Eu amo tanto ele, Mais parece que ele não se importa mais. Ele adora minha irmã, Esses dias eu tava pensando, Eu poderia ter inveja dela, Mais não, Eu amo tanto ela que não tem espaço algum para caber inveja, E tbm.. Ela só tem 3 anos, Não tem culpa de tudo isso estar acontecendo, Só tenho medo dele fazer ela sofrer assim como faz cmg, quando ela tiver a minha idade (12 anos), Aq em casa agt tem passado algumas necesidades, E minha mãe vive tentando ligar pra ele, Mais agr ele já bloqueeou o número dela, E quando ela pega o cel de alguém e consegue falar com ele, eles começam a brigar, Sabe.. As vezes eu acho que é por isso que ele não vem, Medo dela querer brigar, Como faz todas as vezes que ele vem. Ele tem uma empresa, Não passa necesidades, Mais já passou, Bom.. O dinheiro pode importar pra minha mãe (Eu sei que ela só quer o dinheiro pra comprar comida pra gnt, ela até tenta conversar, mais eles só sabem lembrar do passado, dai começam a brigar, as vezes ela liga para o tel da casa dele pra tentar conversar de boa, mais a maioria das vezes a mulher dele atende, ou desliga ou diz que não quer ela ligando pra lá.) Sabe.. O dinheiro já não importa mais, A saudade dele e da minha irmã é maior que tudo. Bom.. Ele radicalizou tudo, Mudou de uma hora pra outra, Ele parecia se importar mais antes, Mais depois que completei meus 9 anos ele mudou, Deichou de vir sempre me ver.. E oque mais dói de tudo isso, É saber que eu tinha um pai tão perfeito, Que mudou derrepente, Agr ele não me ama mais, (Deve ser pq eu cresci) E eu vou estar sempre aqui, amando e sentindo saudades dele. Mais tudo bem, Deus sabe oque faz, E sei que um dia ele voltará a vir me ver frequentemente. Confesso que meu maior medo, É que ele vá para o céu (Ele tem 49 anos) Sem antes me dar um abraço apertado, Pra eu poder dizer que eu sempre amei ele.. Msm com esses defeitos. Eu fico pensando, Se na madrugada ele não lembra de mim (E do meu irmão) Será que ele ainda ama agente? E não tem mesmo tempo pra vir ver agente.. Slá, Só sei que eu amo ele demais e queria que ele voltasse pra mim.

    Reply
  • Desculpa, mas não aguentei e comecei a rir… rsrs
    como somos idiótas mesmo! Meu pai não é assim tão presente quanto o teu. Mas sei que enquanto estou aqui, ele está trabalhando muito pq está preocupado comigo… Esse, é o tipo de amor que a gente não nunca vai entender, e nem precisa, basta aceitar. Assim é o amor de Deus, nunca vamos entender, mas podemos aceitar!!

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *