Crise dos 30

Crise dos 30

Tive crise dos 30 aos 26. E aos 27 também. Aos 28 começou o conformismo. Não foi propriamente uma crise, mas não gostei. Uma sensação esquisita, tipo dor de estômago quando se come doce demais. Era uma coisa meio: “uau, estou ficando velha e não fiz nada de interessante ou relevante e já vou morrer!”.

Pode rir, sei que sou um pouco dramática mesmo. É, eu sou. Mas fiquei triste aos 26 e no ano seguinte, nos 27. Pensava em quanta coisa poderia ter feito, em como o tempo passava rápido demais, em como eu tinha sonhos demais. Eu achava que depois dos 25 a curva era meio na descida mesmo, sabe? Minha mãe riu.

Com esta idade ela já tinha dois filhos e ligava as turbinas pra fazer mais uma. Não sofria com esta coisa da idade. Disse que era minha mania de pensar demais. Mas não é, não! Você acha que é? Ah, vá… Quem é que nunca passou por isto? Eu digo que esta foi minha crise dos 30 antecipada. Já me conformei que não terei filhos antes dos 30 (quem sabe neles!), que não consegui conhecer todos os países que gostaria, nem ficar bonita como eu sonhava. Mas daí vem outro ano e outro e agora, na beiradinha da tal fase balzaquiana eu pisei um pouco no freio e resolvi me permitir.

Pois é, não fiz tudo que sonhei, mas realizei bem mais do que podia imaginar há 10 anos, no limiar dos 20. Esta pressa maldita e “gastrítica” está passado e uma serenidade ameaça me soprar no cangote. Descobri um amor sublime e vivo com o homem que amo – e que me ama, isto faz uma diferença enorme – e ainda recebo salário para fazer o que até de graça faria. Uau, nada mau, hein?!

Faltam exatos 2 meses para os 30 – costumo ir avisando para ninguém esquecer – e me pego cheia de sonhos, de planos, de estratégia para esta idade mágica que chegará no colo de uma mulher melhor que ontem e na espera de ser melhor amanhã também. Afinal, o que são 30 aninhos pra quem sonha viver a eternidade, né?!

12 comments

  • Haha, eu com 25 já estou pensando que neste ano farei 26 e daí pros 30 é só um pulo, sendo que mais outro pulo já estou nos 40 e pertinho de ficar idosa e morrer! A gente sofre com esses pensamentos, não?!

    Reply
    • sofre demais! O jeito é curtir cada fase, o melhor lado de cada idade… Estou adorando os 30 e já planejo um festão para os 40! kkk

      Reply
  • Oi Fabi Eu vou fazer 30 em Julho agora e estou tão pensativa em tudo que fiz e o que não fiz, as vezes meio sem entender que já esta chegando os 30, as vezes me sinto tão menina ainda ou até um pouco adolescente : / mas me sinto feliz pela oportunidade de vida que Deus tem me dado a cada dia 🙂
    Acho que é uma idade pra refletir, porque estou assim já a alguns meses
    Mas estou feliz pois até aqui nos ajudou o Senhor e sou grata por tudo, Deus esteve e estará comigo!
    Obrigada por postar sobre esse assunto gostei muito!

    Reply
  • Fabi vc e o Bertotti são um casal incrível sabia? Parabéns, que Deus continue abençoando vocês!

    Oh céus Fabi! Andou lendo meus pensamentos pra fazer esse post? rsrs
    Estou com 28… já tem alguns anos que estou acostumada com vinte e algo, mas em menos tempo do que eu gostaria, será uma palavra só: trinta.
    Eitaaa!!!
    Foi uma fase assustadora a da crise ( 25 a 27 ) as vezes ela me rodeia, mas decidi não dar espaço a ela.
    Ainda não tenho um marido, nem filhos, e só a pouco tempo passei a entender os privilégios que tenho de ter um Homem que realiza meus sonhos – Deus é incrível.
    Quando me perguntam pq não casei costumo dizer: Não encontrei ninguém que suportaria tamanha felicidade hahaha ( o segredo é ver em mim o valor que de fato tenho! Ei, Jesus morreu por mim, dá licença?! rs)
    Já me formei, tenho um trabalho que não é o dos meus sonhos, mas ele não me escraviza, conheço um bocado de pessoas bacanas, dificuldades para concretizar alguns sonhos, mas o maior dele é que Aquele Homem venha nos buscar e levar pra um lugar onde todos os sonhos ( todos mesmo!) serão realizados.

    Reply
  • Idem, crise dos 30 aos 26…. só que sem ninguém pra chamar de meu, quando era mais nova achava que com 30 já seria mãe quando na realidade não tenho expectativas nem de namorar, que dirá casar e ser mãe. Me identifiquei com o vídeo dos solteiros na estante, é assim que me sinto!!!!

    Reply
  • Sou normal!! tenho 27 anos mais tenho crise desde o 26 e ñ vai passar@!!!
    Sozinha a quase 7 anos e já ficado sem esperança!!!

    Amo o seu trabalho!!! vocé é show

    Reply
  • Fabiana, gosto muito de ler suas postagens…me identifico bastante com você, porque você demonstra ser uma pessoa que gosta de viver, que busca ser feliz, realizada, mas acima de tudo viver conforme a vontade de Deus. Se possível me mande um e-mail, gostaria de compartilhar um caso com você e saber sua opinião: alinerodrigues.fap@gmail.com..Muito obrigada!

    Reply
  • Sabe me encontro exatamente assim, com crise dos 30 aos 25.tenho muitos sonhos
    mas pouco apoio para realiza-los já que tenho uma filha de 2 anos..sequer ainda terminei meu ensino médio e isso tem me amargurado muito, quando penso em fazer uma faculdade. Gostaria de ter mas incentivo, apoio sabe da parte de meu marido, quando digo que quero fazer algo ele é sempre o primeiro a jogar aquele balde de água fria, então me sinto mal perco as esperanças. É muito difícil já que a pessoa que gostaria de encontrar incentivo só vê dificuldade em tudo…..Mas quem sabe pela graça de Deus, sabendo que Ele contempla os sonhos guardados no coração de seus filhos amados!

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *