Sobre estupro e segurança

Sobre estupro e segurança

É claro que todas as pessoas de bem querem segurança, liberdade de expressão e sabem que mulher nenhuma merece ser estuprada por causa do tamanho da sua saia. Mas vivemos numa sociedade doente, deturpada e sim, longe do ideal. Por isto, tomar medidas preventivas pela nossa segurança e para evitar constrangimentos, não é abrir mão dos nossos direitos ou liberdades, é ser prática e coerente.

9 comments

  • Acabei de assistir seu vídeo e lembrei de uma situação bem triste que eu nunca tive coragem de contar pra minha família. Quando eu tinha 14 anos, eu namorava um adventista que era 3 anos mais velho que eu, minha família conhecia ele muito bem e sempre nos encontrávamos na minha casa. Em uma tarde, meus pais estavam em casa e muitas visitas também, estávamos vendo filme na sala e acabei dormindo. Algumas semanas depois ele me contou que tava me apalpando enquanto eu dormia. Como eu tinha só 14 anos, eu achei besteira, mas agora, com 18 anos, parei pra pensar nisso como católica e como feminista que sou. Terminei esse namoro com 15 anos, mas agora fico com medo até do meu namorado atual, mesmo que estejamos namorando há quase dois anos e ele nunca tenha me desrespeitado…

    Reply
  • Ótimo vídeo, eu concordo plenamente, como vc disse uma vez “-Vai falar para os hormônios dele parar de te olhar desta forma!” Já passei por tentativas também, e é horrível saber que eles te olham desta forma enquanto vc anda na rua, mesmo que comportada.

    Reply
  • Fabi amo demais seus vídeos saõ bem esclarecedores e edificantes, glória a DEUS pela sua vida.
    Eu não sou da mesma denominação que a sua mas agradeço a DEUS por colocar pessoas que amam e entendem o evangelho assim como vc nas nossas vidas, aqui na minha casa por enquanto apenas eu sirvo ao Senhor mas hj conversando com minha irmã comentei com ela sobre os seus vídeos e a maneira como vc se expõe e principalmente o fato de vc não condenar as pessoas e respeitar as outras denominações, ai ela me disse bem assim mostra isso pra fulano pra ele ver que é assim q tem agir e não sair recrutando as pessoas pessoas pra dentro da igreja e ai eu ri quando ela falo recrutando, mas eu disse p ela q Jesus nos ensinou a amar o próximo, acolher e vc tem sido canal de benção na minha vida, cada dia que passa vejo o tanto que o Senhor tem te abençoado com seus vídeos continue assim, pegando o amor de CRISTO e edificando a nossa vida através DELE.
    TE AMOOOOO MUITOOO…

    Reply
    • Que linda, me emocionou agora, pois é bem isto mesmo. Vivamos o amor do Pai e as pessoas se interessarão por nossa mensagem! beijocas

      Reply
  • Esta questão vai além do “com roupa”/”sem roupa”.
    A propósito, nas duas tentativas de estupro que você sofreu, estava usando roupas curtas ou decotes? Estava vestida com prudência?
    Conheço caso de uma mulher que se vestia modestamente e, indo para o trabalho, foi vítima de uma tentativa de estupro, pois também conseguiu escapar, apesar de ferida pelo estuprador.
    Então, Fabi, é uma questão que não deve ser tratada de forma simplista, assim como a violência em geral. Infelizmente a roupa que usamos não é o estopim de um crime de estupro, apesar de ser a causa covardemente exposta na mídia. Se assim fosse, penso que todas as mulheres se empenhariam em vestir-se de forma “anti-estupro”.

    Reply
    • Sim, Cris! A questão é muito mais complexa e vai muito além, mas como disse no vídeo, não se trata de “vista burca e nunca será estuprada”, é mais uma das tantas medidas que temos que tomar todos os dias nesta sociedade selvagem em que vivemos!

      beijocas

      Reply
  • É lá no Oriente Médio onde as mulheres, vive tampadas com longas roupas e mesmo assim o índice de estupro e violência contra mulher é Alto??!

    Reply
    • Oi, Ro. Nunca fui para o Oriente, mas convivo com pessoas de lá e realmente a questão é bem mais grave e não se explica no simplismo de roupa ou não. É como disse, para psicopatias, não temos defesa em nós mesmas, mas existem outras situações, como expus no vídeo em que nossa proteção pode sim, ser nossa vestimenta. Triste, mas é. beijocas

      Reply
  • Oi fabi boa tarde adorooo o seu blog

    Você podia falar em questão do aborto.

    Sou totalmente contra, e como você e fera em suas opiniões precisava de uma ajudinha pois tenho um trabalho para apresentar

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *