Tira dúvidas sobre manchas

Tira dúvidas sobre manchas

Captura de Tela 2015-07-05 às 20.32.59Ácido, peeling, creme da vovó? Hoje eu trago pra você uma entrevista super bacana com a dermatologista Roseli Andrade, que tira muitas das nossas manch.. ops! dúvidas, sobre as manchas e a saúde da pele.

Existe tendência para mancha ou é só falta de cuidado mesmo?
Dra. Roseli – Não é “só” falta de cuidado. O aparecimento de manchas escuras na pele ocorrem em decorrência de múltiplos fatores como:
– alterações hormonais (hormônios femininos/masculinos e hormônios tireoidianos.
– características genéticas/familiares (várias pessoas da mesma família com a presença de manchas).
– em decorrência do uso de medicações (quimioterápicos/antibióticos, etc)
– uso de misturas caseiras (limão, sucos ácidos, folhas de ervas, etc).
– exposição exagerada ao sol sem proteção adequada

Qual a influência dos hormônios no aparecimento das manchas marrons no rosto?
R – O melasma pode ocorrer tanto em peles claras como morenas, a tendência genética associada à exposição solar inadequada e sem uso de filtros é o principal responsável pelo aparecimento das tão
As alterações hormonais que ocorrem tanto na gestação como no uso de anticoncepcionais ou hormônios estimulantes para gravidez, podem servir de gatilho para que as manchas já determinadas geneticamente se manifestem no indivíduo.

Muitas pessoas fazem tratamentos em casa usando cremes como Vitanol A, Klassis, e fórmulas encontradas prontas na farmácia e vendidas livremente. Qual o risco destes tratamentos sem orientação médica?
O uso de ácidos e formulações farmacêuticas sem a orientação médica pode ocasionar queimadura, irritação e piora das manchas. Não há segurança em usar estes produtos sem orientação do médico especialista. Se falar que sem o devido cuidado durante o dia, as manchas podem se agravar.

A hidroquinona foi apontada como vilã, depois de se constatar efeito rebote no tratamento para as manchas, mesmo sendo apontada como queridinha dos médicos. Como discutir com meu dermatologista a melhor opção para a minha pele sem correr o risco de sofrer primeiro, nos testes?
A hidroquinona é o mais potente despigmentante do mercado, porém em altas concentrações e com uso indiscriminado podem levar a despigmentação (manchas brancas) irreversíveis, portanto deve ser prescrita sob orientação médica dermatológica específica para cada caso e acompanhada pelo profissional. Não se trata por um tempo e nunca mais volta ao consultório. O tratamento contra manchas exige acompanhamento constante.

Atualmente, quais os tratamentos mais eficazes no controle e ataque das manchas?
A utilização dos ácidos (retinóico glicólico, kójico, entre outros) em cremes ou peelings ainda são muito utilizados e com boa resposta clínica. Lasers de baixa intensidade e a luz pulsada podem auxiliar no clareamento da pele. Devem evitar uso de lasers agressivos que podem ocasionar efeito rebote da mancha. O uso da vitamina C tópica e dos antioxidantes orais tem se mostrado em alguns trabalhos científicos como coadjuvantes aos tratamentos clínicos.

Existem opções econômicas para quem quer tratar/prevenir manchas e não pode gastar com cremes e tratamentos caros?É fundamental conversar com seu dermatologista, particular ou da rede pública, para que ele possa adequar seu tratamento com sua possibilidade financeira, elegendo e planejando o melhor esquema de tratamento para o seu caso. O que não pode é simplesmente ir usando o que a amiga, a blogueira ou alguém conhecido falou que funciona. Os estragos podem ser irreversíveis.

A doutora Roseli Andrade atende em Santos, SP e abaixo estão os contatos para marcar uma consulta, se você for da região.

Av. Ana Costa, 222, Cj 38
Campo Grande – Santos/SP
11060-000
(13) 3224.2131

 

2 comments

  • Obg pelo post Fabi.
    Ainda fiquei em dúvida sobre o que aconteceu para ficar com melasmas, pq eu,mesmo não usando protetor, nunca tive esse problema antes, e quase não saio de casa. E piorou mesmo assim.
    Tenho que ir para o dermatologista do sus de novo…

    bjs!

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *